Notícias

Com assessoria da Proamb, Autoneum reduz em até 20% custos de transporte e destino de resíduos

    A busca pela sustentabilidade nos processos produtivos vem ganhando cada vez mais espaço na cultura organizacional.

    Para as empresas que já têm em seu DNA essa visão, o investimento nesta área faz parte do planejamento de forma circular: ao mesmo tempo em que preserva recursos, aumenta a competitividade.

    Desde fevereiro, a Autoneum, em Gravataí, ampliou essa prática ao contratar os serviços da unidade de coprocessamento da Fundação Proamb. “Somos uma empresa preocupada com a sustentabilidade em nossos processos, buscando inovação e melhoria contínua, e identificamos uma oportunidade de melhorar nesses quesitos com o serviço prestado pela Proamb”, destaca o gerente da planta da multinacional, Renato Duarte. A empresa é uma das maiores desenvolvedoras do mundo de componentes para gerenciamento acústico e térmico para a indústria automotiva. Todos os resíduos gerados pela companhia, entre 35 toneladas e 45 toneladas mensais, são destinados ao coprocessamento. A técnica consiste numa espécie de recuperação desses materiais, a fim de que possam ser queimados como combustível na fabricação de produtos que precisam de altas temperaturas em seus processos.

    O coprocessamento, além da eliminação de passivos ambientais, oportuniza economia para as indústrias, um item perseguido para quem busca eficiência constante. “Atualmente, podemos destacar uma redução entre custo de transporte e destino que gira entre 10% e 20%. Hoje, além de trabalharmos com matéria-prima do brim e reciclável, todo resíduo é coprocessado e enviados para gerar energia na indústria cimenteira”, atesta Duarte.

    Antes de utilizar o coprocessamento, a Autoneum enviava seus resíduos industriais para um aterro controlado. A mudança significou também uma nova percepção da comunidade para com a empresa. “Hoje, somos uma das empresas que têm o que chamamos de zero landfill, ou seja, aterro zero”, comemora Abner Santos, responsável de EHS da planta (sigla em inglês para meio ambiente, saúde e segurança).

    Essa visão sustentável da empresa ganhou, recentemente, um reforço com o lançamento do selo Autoneum Pure. A partir dele, a empresa fortalece essa filosofia a partir do conceito em criar produtos de desempenho sustentável, dentro de um ciclo eficiente e sem desperdícios, como comprova a certificação ISO 14001 da planta localizada no Complexo Industrial da General Motors.

Sobre a Proamb

    A Proamb se notabiliza por oferecer toda a gama necessária de serviços no segmento ambiental, por meio de suas seis unidades de negócios há quase 30 aos. Além da Central de Disposição de Resíduos, em Pinto Bandeira, existe a unidade de Energia, em Nova Santa Rita, a estrutura com a maior capacidade instalada de produção de combustível derivado de resíduo para coprocessamento do Rio Grande do Sul. Sua atividade é certificada pela ISO 9001 e abrange toda a região Sul do Brasil.

    A Fundação Proamb também presta serviços de Engenharia e Consultoria às empresas, com soluções completas que contribuem para o crescimento dos parceiros por meio da gestão ambiental. Ampliando sua estrutura para monitoramento, em 2018 a Proamb implantou o Centro de Análises Ambientais em Bento Gonçalves. Cadastrado na FEPAM e reconhecido na norma ISO IEC 17025, opera plenamente com estrutura laboratorial completa, alta tecnologia e equipe de técnicos experientes para analisar águas e efluentes.

    A Fundação também realiza em Bento Gonçalves a FIEMA BRASIL, o mais importante encontro ambiental da região Sul. Uma feira dinâmica, que prioriza o conhecimento, a geração de negócios e a rede de relacionamento. Em paralelo, há o FiemaCon, encontro gerador de novas ideias com rica programação de seminários, palestras e workshops.

Unidade Administrativa:
Rua São Paulo, 1068, Borgo, Bento Gonçalves - RS
CEP 95705-420

+55 (54) 3055.8700
proamb@proamb.com.br

© Todos os Direitos Reservados 2020 | Fundação Proamb