UNIDADE DE ENERGIA - COPROCESSAMENTO

Nova Santa Rita (RS)

Eliminação de resíduos por destruição térmica

Com uma operação comprovadamente segura e licenciada pela FEPAM, a Unidade de Energia é a maior estrutura de produção de CDR (combustível derivado de resíduos) do Rio Grande do Sul. É capaz de processar cerca de 5 mil t/mês de resíduos industriais. Com grande agilidade, recebe resíduos, processa e entrega CDR de alta qualidade. A operação da Unidade de Energia se estende a toda a região Sul do Brasil. Possui certificação ISO 9001.


• Solução adequada para a eliminação de passivo ambiental, eximindo responsabilidade do gerador;
• Certificado de destruição térmica emitido pela cimenteira (parceira em coprocessamento);
• Rastreabilidade total até a destruição;
• Avaliação qualitativa e quantitativa de conformidade com as normas vigentes;
• Agendamento de carga de acordo com as conveniências do cliente;
• Garantia de excelência em qualidade da Fundação Proamb.
• Laboratório próprio para o acompanhamento do processo de fabricação do blend e atendimento às especificações técnicas, garantindo segurança e controle aos clientes.
• Estrutura, instalações e equipamentos modernos, de alta tecnologia


ESCOPO DAS ATIVIDADES DA UNIDADE DE ENERGIA

PROCESSAMENTO DE RESÍDUOS CLASSE I E II COM VALOR ENERGÉTICO PARA FABRICAÇÃO DE COMBUSTÍVEL DERIVADO DO RESÍDUO E POSTERIOR ENVIO PARA DESTRUIÇÃO TÉRMICA.   


Para mais informações, envie um e-mail para proamb@proamb.com.br ou ligue (054) 3055-8700

RESÍDUOS ADEQUADOS AO COPROCESSAMENTO

A técnica de coprocessamento é realizada pela parceria da Fundação Proamb com indústrias de cimento . Estas vão usar o CDR (combustível derivado de residuos) produzido na Unidade de Energia para substituir o coque em seus fornos de fabricação de cimento. O coprocessamento é uma técnica nobre, com eficiência de destruição térmica superior 99,9%. Essa solução é indicada para resíduos que não podem ser destinados a aterros por terem características de inflamabilidade.

Veja alguns tipos de resíduos com perfil para coprocessamento:

  • Borras: oleosas, de processos petroquímicos, de fundo de tanques combustíveis e de produtos inflamáveis;
  • Elementos filtrantes de filtros de combustíveis e lubrificantes;
  • Materiais contaminados com tinta;
  • Materiais contaminados com solventes;
  • Resíduo têxtil e EPIs contaminados;
  • Serragem e madeira contaminadas;
  • Adesivos/Resinas;
  • Plástico contaminado;
  • Papel e papelão contaminados;
  • Elementos filtrantes e absorventes contaminados com óleos lubricantes, solventes ou combustíveis (álcool, gasolina, óleo diesel etc.);
  • Lodo de caixa separadora de óleo com mais de 5% de hidrocarbonentos derivados de petróleo ou mais de 70% de umidade.

Unidade Administrativa:
Rua São Paulo, 1068, Borgo, Bento Gonçalves - RS
CEP 95705-420

+55 (54) 3055.8700 / 99109.1113
proamb@proamb.com.br

© Todos os Direitos Reservados 2018 | Fundação Proamb